Parque Nacional Stelvio - Lombardia, Trentino Alto Adige


PARQUE NACIONAL DE STELVIO

O nascimento do Parque Nacional Stelvio é imediatamente posterior ao do Parque Circeo, tendo sido instituído com a Lei nº. 740 de 24 de abril de 1935 e após o alargamento da superfície decidido pelo Decreto Presidencial de 23/4/1977, abrange uma área de 134.620 hectares nas regiões da Lombardia e Trentino-Alto Adige. O parque é maioritariamente privado e minimamente público (propriedade estatal) e é um dos maiores parques nacionais italianos onde estão representados todos os ambientes naturais característicos dos Alpes, com uma grande variedade de paisagens e uma riqueza de espécies, animais e plantas.

A fragmentação de seu território pertencente em parte à região da Lombardia e em parte às duas províncias autônomas de Trento e Bolzano afetou sua proteção. Na verdade, o parque ao norte entra em contato com o Parque Nacional da Engadina Suíça e ao sul com o Parque Natural Trentino Adamello-Pressanella. Assim, além de estar entre os maiores parques da Itália, forma a maior área natural protegida do centro-sul da Europa.

A gestão ficou a cargo do Corpo Florestal Estadual, até a entrada em vigor do DPCM de 26.11.1993 com a constituição do Consorzio del PN Stelvio, em aplicação da Lei-Quadro das Unidades de Conservação n. 394/91, que implementou o Decreto Presidencial de 1974 que previa a implementação de um consórcio entre o Estado e as duas províncias autônomas de Trento e Bolzano.

Com a constituição do Consórcio, sujeito à fiscalização do Ministério do Meio Ambiente, permanecem com o C.F.S. apenas as funções de vigilância dos territórios pertencentes à região da Lombardia; em 29.9.1995 a coordenação territorial do C.F.S. para o Meio Ambiente (CTA) com sede em Bormio (SO). O Corpo Florestal das duas províncias autônomas de Trento e Bolzano cuida do restante. (DPCM 26.11.1993, art.11)


Vídeo: Panchina gigante Darfo Boario terme


Artigo Anterior

Compositae (Astral)

Próximo Artigo

Estufa na loggia - faça você mesmo